Morre criança de 3 anos que foi baleada na cabeça durante briga entre torcidas

O caso ocorreu no sábado (13), em Goiânia, e o menino estava internado em estado grave, mas faleceu nesta segunda-feira (15)

Goiânia – Um menino de 3 anos morreu após briga entre torcidas de futebol rivais em Goiânia (GO), na noite de sábado (13). Ele teve morte cerebral decretada no início desta segunda-feira (15).

(Foto: Reprodução / TV Anhanguera)

De acordo com a polícia, três homens foram armados para se vingar de outros torcedores, mas acertaram o garoto por engano. Eles foram presos em flagrante, e as armas e os carros usados no crime, apreendidos.

O momento da confusão foi registrado por uma testemunha. A confusão começou quando torcedores do Vila Nova viram um homem com a camisa do Goiás.

Familiares se envolveram na confusão e agrediram os torcedores, o que, segundo a polícia, teria motivado os autores dos disparos a revidar.

Além da criança de 3 anos, um jovem, de 19, sofreu dois disparos e foi levado ao Hugol (Hospital Estadual de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira). Em condição estável, ele deve receber alta em breve.

Os autores do crime e a segunda vítima têm passagens pela polícia.

Anúncio