Teve o celular roubado? Ferramenta ajuda a localizar o aparelho; saiba como

‘Sistema Celular Seguro’ está disponível no site da Secretaria de Estado de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM)

Manaus – O Sistema Celular Seguro, ferramenta que tem como objetivo auxiliar as forças de segurança a localizar aparelhos celulares em mãos de criminosos, com restrição de roubos, furtos ou perdas, para em seguida devolvê-los aos proprietários, segue aberto para o cadastro de celulares. O aplicativo está disponível no site da Secretaria de Estado de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM).

(Foto: Divulgação / SSP-AM)

O subgerente do Detec, Andrey Zubiate explica que o Sistema é seguro e foi desenvolvido para diminuir o roubo e furto de celulares, bem como aumentar o número aparelhos recuperados e devolvidos aos respectivos donos.

“Lembramos que a ideia é que o sistema seja uma ferramenta para a polícia utilizar durante as abordagens diárias a suspeitos com grande número de aparelhos nas ruas e em aparelhos já recuperados em outras operações, ou seja, a partir dessa ferramenta, podemos encontrar o respectivo dono desse aparelho”, destacou.

Cadastro

Para realizar o cadastro no Sistema, o interessado precisa entrar no site da SSP-AM e buscar a área “Celular Seguro”. Andrey Zubiate orienta que o cidadão deve realizar tanto o cadastro pessoal quanto o cadastro do seu aparelho e concluir as duas etapas. Além disso, em caso de roubo, perda ou furto do aparelho, deve-se acessar novamente a plataforma e emitir um alerta de acordo com a consequência criminal.

“Caso o cidadão seja vítima de roubo ou de furto ou mesmo que venha a perder o aparelho que tenha cadastrado, ela vai acessar esse sistema e gerar um alerta a partir do número do Boletim de Ocorrência”, orientou Zubiate.

É a partir da emissão do alerta que as forças de segurança poderão saber se o aparelho é fruto de roubo, furto ou mesmo a perda em abordagens diárias para então efetuar o flagrante e consequente prisão do suspeito. Em seguida, em posse do aparelho recuperado, as forças policiais entrarão em contato com o proprietário utilizando os dados cadastrados.

Anúncio