Venezuelana é morta a facadas dentro da própria casa

Vizinhos ouviram sons de espancamento e encontraram a vítima morta dentro da residência

Manaus – A venezuelana Yeimy Yenileth Vargas Rodríguez, 27 anos, foi assassinada a facadas, dentro da própria casa, na tarde desta terça-feira (5). O crime aconteceu por volta das 13h30 no beco Asa Branca, na Avenida Rio Negro, bairro Mauazinho, zona leste de Manaus.

(Foto: Reprodução / Record News Manaus)

Segundo testemunhas, o corpo da vítima foi encontrado por vizinhos. No momento do crime, o companheiro da vítima não estava em casa, havia ido ao trabalho.

Moradores da área relataram que ouviram barulhos de espancamento. Segundo A vítima travou uma luta corporal com o assassino, conforme informou o delegado Cristiano Castilho, titular do 14ª Distrito Integrado de Polícia.

“De acordo com a perícia feita no local, houve luta corporal. Aparentemente o corpo foi vitimizado por arma branca e a vizinhança ouviu barulhos fortes de espancamento. O autor deixou marcas de sangue e pegadas pelo chão, que estão sendo analisadas pela perícia”, afirmou o delegado.

Conforme a polícia, a mulher guardava um valor em dinheiro em casa, que não foi encontrado. Inicialmente, esse dinheiro poderia ter motivado o crime, mas ainda não há informações precisas sobre a motivação do assassinato.

O corpo da mulher foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML). O crime será investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHs). As marcas de sangue e pegadas analisadas pelo Departamento de Polícia Técnico-Científica (DPTC) são pistas importantes para identificar o autor do crime.

Anúncio