Bolsonaro afirma que Governo do AM deixou de informar sobre a falta de oxigênio; veja vídeo

Segundo o presidente, “Estado tem que ter gente para prever quando vai faltar alguma coisa, ou não, para tomar providência”

Brasília –  Um vídeo que circula nas redes sociais mostra o encontro do presidente Jair Bolsonaro com apoiadores, nesta sexta-feira (29), na saída do Palácio do Planalto. Durante conversa com o grupo, Bolsonaro informou que o governo federal enviou recursos para a Saúde do Amazonas, e afirmou que não foi informado sobre a falta de oxigênio nos hospitais do Estado. A declaração foi feita para ativistas políticos do Amazonas.

“Nós demos dinheiro, recursos e meios. Não fomos oficiados por ninguém do Estado na questão do oxigênio. Foi numa sexta a White Martins e na segunda-feira estava lá o ministro (Eduardo Pazuello). Atualmente está equalizada a questão do oxigênio. Lá, o Estado tem que ter gente para prever quando vai faltar alguma coisa, ou não, para tomar providência. Nós aqui fomos além do que somos obrigados a fazer”, disse o presidente.

Bolsonaro comentou ainda que foi informado sobre a situação dos feirantes da capital amazonense e o jatinho alugado pelo governador do Estado, Wilson Lima (PSC), por R$ 9 milhões, em plena pandemia.

“Essa destruição de empregos continua. Fomos à (Ministério) Economia para tratar desses assuntos hoje. Em parte já foram resolvido, mas essa política de fechar (as feiras), até quando?”, questionou o presidente.

Veja o vídeo: