Câmara inicia sessão com projeto de benefícios a profissionais da saúde do SUS

Profissionais que tiverem sido contaminados pelo coronavírus receberão um auxílio por atividade de risco de um salário mínimo por dois meses consecutivos

Brasília – A Câmara realiza sessão nesta quinta-feira (21) para votar projetos voltados à crise gerada pela pandemia da Covid-19. Os deputados analisam projeto que autoriza o Executivo a criar programa de benefício aos profissionais de saúde que atuam no combate à pandemia do novo coronavírus pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Um seguro de vida com prêmio de R$ 200 mil também está previsto no programa (Foto: Divulgação)

Pelo texto, o programa deverá garantir seguro de vida com prêmio de R$ 200 mil a ser contratado pelo Ministério da Saúde.

Além disso, os profissionais de saúde atuantes no SUS que tiverem sido contaminados pelo coronavírus receberão um auxílio por atividade de risco de um salário mínimo (R$ 1.045) por dois meses consecutivos.

Também está na pauta do dia proposta que proíbe a cobrança de taxa de religação de serviços públicos, como água e energia elétrica, e obriga o restabelecimento no prazo máximo de 12 horas, contado a partir do pedido do consumidor ou da quitação do débito.