Candidatos levantam R$ 22 mi para campanha

Maior fatia dos recursos (R$ 20,8 milhões) foi obtida por meio do Fundo de Campanha dos partidos, seguido das doações de pessoas físicas para financiar a disputa eleitoral para prefeituras e câmaras

Manaus – Candidatos que disputam as eleições deste ano no Amazonas já arrecadaram R$ 22,8 milhões para fazer suas campanhas eleitorais para o pleito de novembro. A maior parte são de partidos políticos (R$ 20,8 milhões) que corresponde a 91% do total arrecadado, seguido das doações pessoas físicas que somam R$ 1,1 milhão.

Segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), R$ 564 mil dos recursos disponíveis aos candidatos do Amazonas são de doações de próprios candidatos. Valores de outros candidatos totalizam R$ 295 mil e os oriundos de financiamento coletivo, R$ 27,3 mil.

Toda a prestação de contas é apresentada à Justiça Eleitoral para apreciação (Foto: Arquivo/ABr)

Em relação a recursos partidários, o PSD já recebeu o maior volume, totalizando R$ 6,9 milhões do Fundo Especial de Financiamento de Campanha. Em seguida, aparece a campanha do candidato a prefeito de Manaus, Alfredo Nascimento, cuja campanha já recebeu R$ 6 milhões do PL – partido pelo qual disputa a prefeitura da capital. Por sua vez, o Podemos já disponibilizou R$ 2 milhões aos candidatos da sigla.

Ainda em relação aos recursos de agremiações, o candidato à prefeitura de Manaus José Ricardo (PT) recebeu R$ 1,2 milhões pra fazer sua campanha.

Quanto às doações de pessoas físicas, o candidato à prefeitura de Manaus Ricardo Nicolau (PSD) registra o maior volume de recursos: R$ 500 mil de doação realizada pelo próprio irmão, Luís Alberto Saldanha Nicolau, segundo registro do TSE.

Candidato à reeleição para o cargo de vereador na Câmara Municipal de Manaus (CMM), Diego Afonso (PSL) é o segundo com maior recursos de pessoas físicas: R$ 75 mil, sendo R$ 50 mil do pai dele, deputado estadual Adjunto Afonso, e mais R$ 25 mil de Dessana Roberto Afonso. A menor doação de pessoa física foi registrada para o candidato a vereador em Manaus Cleber Ferreira (PCdoB) que recebeu R$ 100 de Ísis Tavares.

Há ainda os candidatos que investem em suas próprias campanhas. Entre eles, está Cleuder Ganem (PRTB) que desembolsou R$ 62,8 para tentar uma vaga na CMM. Romero Reis, que disputa a Prefeitura de Manaus já investiu R$ 50 mil em sua campanha.

Em outro extremo, há os investimentos mais modestos como os R$ 30 que a candidata a vereadora em Manaus Michele Guimarães (PL) desembolsou para a campanha deste ano.

A reforma eleitoral de 2017 incluiu o financiamento coletivo em site na internet como uma nova modalidade de arrecadação de recursos para campanhas eleitorais. Foi por meio desta meio que o candidato à prefeitura de Manaus Coronel Menezes (Patriota) recebeu R$ 12,1 mil para fazer sua campanha.

Anúncio