Cidade ressalta investimentos do governo do AM na infraestrutura de Manaus

Roberto Cidade (UB), esteve na manhã desta segunda-feira (15), na inaguração do Trevo do Rapidão Rodoanel, na zona leste da capital

Manaus – O presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado Roberto Cidade (UB), esteve na manhã desta segunda-feira (15), na inaguração do Trevo do Rapidão Rodoanel, na zona leste da capital e ressaltou os investimentos do Estado na infraestrutura de Manaus. O parlamentar percorreu todas as alças do complexo, que possui 245 mil metros quadrados.

(Foto: Rodrigo Brelaz)

“Essa intervenção viária que está sendo feita, integrando toda a cidade, vai desafogar o trânsito nas vias centrais, mas, principalmente, vai trazer benefícios ao nosso Polo Industrial, onde está concentrado mais de 80% da economia do nosso Estado, dando mais agilidade no transporte de mercadorias e insumos”, disse Cidade.

O presidente da ALE também lembrou os investimentos que vêm sendo feitos pelo Governo do Estado, na capital, tanto de forma direta, pelas secretarias de Estado de Infraestrutura (Seinfra) e de Desenvolvimento Urbano e Metropolitano (Sedurb), e pela Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE), quanto por meio dos convênios com a prefeitura.

“As grandes obras estão acontecendo em nossa capital porque têm recursos do Governo do Amazonas, como as feiras, por exemplo. A maior parte dos recursos dessas obras, mais de 90%, é do Estado. E isso acontece porque o governador Wilson Lima é um gestor que pensa nas pessoas e que quer melhorar a vida da nossa população”, destacou, lembrando que o Executivo municipal já recebeu mais de R$ 850 milhões em repasses do Governo para reforma de feiras, praças, assim como para o Asfalta Manaus e a construção dos complexos viários da Bola do Produtor e da Avenida das Torres. “Em todas essas obras, a assinatura forte é do governador Wilson Lima”, completou.

Localizado na avenida dos Oitis com a Alameda Cosme Ferreira, o trevo integra a segunda etapa do Rapidão Rodoanel, considerada a maior obra de mobilidade urbana integrada do Amazonas.

Com investimento de R$ 18,4 milhões, a estrutura do complexo conta com oito alças, sendo quatro internas e quatro externas, e pistas com 10,80 metros de largura com três faixas em cada sentido, além de duas pontes paralelas com altura de seis metros.

Anúncio