Comando Vermelho vira preocupação do governo Bolsonaro

Informações sobre a facção criminosa constam em relatório de inteligência do governo federal

Manaus – A expansão do Comando Vermelho tem preocupado o governo de Jair Bolsonaro. O assunto ganhou destaque na coluna Radar, do jornalista Robson Bonin, publicada na revista Veja, no último sábado (22).

De acordo com a publicação, informações sobre a facção constam em relatório de inteligência do governo federal, preocupado com treinamento e armamento da organização por “mercenários da África e Europa Oriental”.

O serviço de inteligência brasileiro estima que o Comando Vermelho reúna aproximadamente 30 mil faccionados, inclusive nos Estado do Acre e Amazonas.

Foto: Reprodução

Anúncio