Deputados criticam gasto de Amazonino

A contratação de empresa do ex-prefeito de Nova York por R$ 5 milhões para resolver o problema da segurança é repudiada na ALE que aponta casos semelhantes no Brasil que fracassaram

Manaus – Proposta do governador Amazonino Mendes (PDT) de pagar R$ 5 milhões por consultoria na área de segurança é alvo de críticas por deputados estaduais que veem na iniciativa uma medida eleitoreira e sem eficácia para melhorar a segurança da população. Amazonino quer contratar a empresa do ex-prefeito de Nova York (EUA) Rudolph Giuliani para fazer a consultoria.

D24 am – deputados criticam contratação de consultoria:

Deputados criticam contratação de consultoria por R$ 5 milhões. Amazonino parabeniza o povo e agradece o dono da empresa contratada:

Posted by D24am on Wednesday, April 25, 2018

O deputado estadual Serafim Corrêa (PSB) alertou que, há dez anos, o Rio de Janeiro, na gestão de Sérgio Cabral, pagou US$ 12 milhões na consultoria americana e o resultado foi a intervenção militar naquele Estado.

“Em 2009, sabe quem contratou o Rudolph Giuliani? O Rio de Janeiro, na gestão do governador Sérgio Cabral pagou R$ 12 milhões. E peço a reflexão dos senhores deputados – o RJ já teve a assessoria do Giuliani por US$ 12 milhões, e sabe qual foi o resultado? Intervenção federal na segurança do Rio de Janeiro, e hoje o governador (Sérgio Cabral) está preso. Eu peço que o governador do Amazonas reflita sobre isso”, afirmou Serafim.

Para o deputado estadual Luiz Castro (Rede), a proposta de Amazonino é eleitoreira. “Eu sei que o Rudolph Giuliani fez um trabalho interessante lá em Nova York, mas uma consultoria dele só vai dar resultados em médio e grande prazo, até porque envolve mudanças legais. Na Colômbia, por exemplo, houve mudanças de lei no Congresso Nacional para alterar a estrutura das polícias. Então, esta intenção de trazer o Giuliani para fazer ‘firula’ não funciona aqui, temos que trabalhaR esta discussão à nível federal”, afirmou.

De acordo com o deputado estadual Platiny Soares (PSB), o valor de R$ 5 milhões seria suficiente para adquirir mais de 3,5 mil coletes balísticos para a tropa da Polícia Militar, que, segundo o parlamentar, está com todos os coletes vencidos para a guerra urbana.

“Entrar numa viatura sem coletes balísticos é algo tão impensável quanto A consultoria de quem não conhece a realidade local. Uma consultoria milionária, assim como o muro e as contratações mirabolantes do governador”, afirmou.

Para o deputado estadual José Ricardo (PT) o ex-prefeito de Nova York já foi contratado em outras cidades brasileiras e nada foi resolvido. “Não é alguém que viveu uma realidade totalmente diferente da nossa que terá as condições de resolver o problema da violência no Amazonas. Isso é desperdiçar recursos públicos. Além do mais, temos especialistas no Amazonas e no Brasil, portanto, conhecem bem nossa realidade. Falta vontade política e ouvir a população para resolver o problema da segurança”, disse.

Anúncio