Eduardo Braga anuncia obras de infraestrutura em Itacoatiara, no AM

Estão sendo investidos mais de R$ 87,8 milhões em recursos viabilizados pelo senador

Manaus – O senador Eduardo Braga anunciou neste sábado(31), novas obras de infraestrutura no município de Itacoatiara. Estão sendo investidos mais de R$ 87,8 milhões em recursos viabilizados pelo senador, que geram benefícios a todos os moradores da cidade.

Senador foi recebido com festa pelos moradores do município de Itacoatiara. (Foto: Divulgação / Assessoria)

Os investimentos fazem parte de recursos dos ministérios do Desenvolvimento Regional (MDR), Saúde (MS), Educação (MEC) e no Instituto Nacional de Colonização Agrária (Incra), viabilizados por meio de emendas do senador Eduardo Braga (MDB/AM). Juntos, eles somam mais de R$ 87,8 milhões, que já saíram do papel.

Eduardo Braga desembargou em Itacoatiara nesta sábado(31) acompanhado dos deputados federais Silas Câmara (PRTB), Delegado Pablo (PSL) e do deputado estadual Dermilson Chagas (sem partido). Eles foram recepcionados pelo prefeito Mário Abrahim (PSC) no terminal hidroviário, no bairro Jauary, com festa pela fanfarra do município.

Do novo porto, eles saíram em carreata até a Colônia dos Pescadores (Z-13), onde o senador Eduardo participou de uma grande reunião de trabalho com quase 1 mil pescadores. No loca Braga anunciou que, com a ajuda da bancada federal, vai viabilizar recursos do Orçamento da União, do próximo ano, para a construção do terminal pesqueiro de Itacoatiara, uma das principais reivindicações da categoria naquela região do Baixo Amazonas.

O senador também participou de reunião de trabalho com lideranças e moradores das comunidades Vila de Lindóia, rio Arari, costa do Amazonas, rio Urubu, Projeto de Desenvolvimento Social (PDS) Novo Remanso, e Amatarí, e do Projeto de Assentamento (PA) da Vila do Engenho. Nas três localidades Eduardo viabilizou R$ 7,3 milhões do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) para recuperação de pavimentos de ramais.

Em seguida, Braga e o prefeito Mário Abrahim visitaram as obras já concluídas em Itacoatiara, como os serviços de pavimentação da avenida Parque, no Centro, a principal via da cidade, as ruas do Conjunto Cidadão e dos bairros Eduardo Braga I e II. Nestes locais estão sendo investidos R$ 20,1 milhões em recursos destinados pelo parlamentar em 2019.

“Eu venho lutando para tirar Itacoatiara da buraqueira que se transformou desde 2018. Finalmente, com a ajuda do prefeito Mário Abrahim, começamos a colocar as máquinas nas ruas e asfaltar a cidade com trabalhos de pavimentação e tapa-buracos, resgatando essa dívida com o município. E muito mais vem por aí. Estamos empenhados em buscar mais recursos federais para a cidade”, disse o senador.

blank

(Foto: Divulgação / Assessoria)

Licença do aeroporto

No município Eduardo anunciou a aprovação, pelo Instituto de Proteção Ambiental (Ipaam), da Licença Ambiental para o início das obras do aeroporto de Itacoatiara, que será a principal alternativas de pouso de voos do aeroporto internacional Eduardo Gomes, em Manaus. “Será um aeroporto bem estruturado, que vai funcionar 24hs, com área de embarque e de cargas. Isso vai gerar emprego, renda e o desenvolvimento da cidade”, disse o senador.

Outro compromisso de Braga foi uma reunião de trabalho com lideranças políticas, comunitárias rurais e indígenas, no plenário da Câmara de Vereadores de Itacoatiara. A agenda do senador finalizou com um encontro com Dom José Ionilton, bispo da Prelazia, que compõe Itacoatiara, Silves, Itapiranga, Urucará, São Sebastião do Uatumã e Urucurituba.

Também acompanharam a caravana do senador Eduardo em Itacoatiara, o presidente da Associação Amazonense dos Municípios (AAM), prefeito de Manaquiri, Jair Souto, e dos prefeitos de Itamarati, João Campelo; do Careiro, Nathan Macena; de Manacapuru, Beto D’Ângelo; de Benjamin Constant, David Bemerguy; de Rio Preto, Anderson Souza, e do vice-prefeito de Urucurituba, Leôncio Tundis.

Investimentos

Além dos R$ 20,1 milhões para infraestrutura, outros R$ 36,7 milhões também estão garantidos para obras de pavimentação nos bairros Jauary, da Paz, São Jorge, Santo Antônio (R$ 23,9 milhões), Centro (R$ 8 milhões), além das vilas do Engenho e de Lindóia (R$ 4,7 milhões). Os trabalhos devem acontecer ainda este ano, e vão beneficiar toda a população de Itacoatiara.

Ainda na área da infraestrutura, estão previstos investimentos de R$ 7,3 milhões – de convênio viabilizado pelo parlamentar no Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra). As obras estão programadas para acontecer ainda este ano, e beneficiar moradores dos Projeto de Assentamento Engenho (PA) e no Projeto de Desenvolvimento Sustentável (PDS) Novo Remando e Amatarí.

Saúde

Além de investimentos na melhoria da malha viária, em 2020, o senador do MDB viabilizou R$ 7,4 milhões do Fundo Nacional de Saúde (FNS) do Ministério da Saúde ao Fundo Municipal de Saúde para manutenção de Unidades Básicas de Saúde (UBS), aquisição de equipamentos médicos, medicamentos e para o incremento das ações do Piso de Atenção Básica (PAB).

O mesmo valor – R$ 7,4 milhões – também foi destinado, em 2020, para ações de enfrentamento da Covid-19 em Itacoatiara.

Educação

Na área da educação, Eduardo Braga garantiu, em 2020, R$ 3,2 milhões do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). A prefeitura de Itacoatiara iniciou o processo administrativo para aquisição de bicicletas com capacete escolar, equipamentos de climatização de escolas (ar condicionados), utensílios de cozinha, material esportivo para incentivar o desporto, mobiliários e ônibus escolar para o município.

Para este ano, também estão garantidos R$ 2 milhões da Fundação Nacional de Saúde (Funasa) destinados, em 2019, para implantação de projetos de melhorias sanitárias na comunidade Novo Remanso; outros R$ 2 milhões da Superintendência de Desenvolvimento do Amazonas (Sudam), também de 2019, para aquisição de patrulha mecanizada; R$ 1 milhão para incremento das ações do PAB, deste ano, e R$ 500 mil para a construção do Centro Comunitário no bairro Mamoud Amed, viabilizadas em 2018.

Anúncio