Eduardo Paes é denunciado pelo MP-RJ e se torna réu por corrupção

Ex-prefeito do Rio vai responder também por falsidade ideológica e lavagem de dinheiro. Defesa afirma que não teve acesso aos termos da acusação

Rio de Janeiro – O MP-RJ (Ministério Público do Rio de Janeiro) denunciou nesta terça-feira (8) o ex-prefeito da capital fluminense Eduardo Paes pelos crimes de corrupção, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro.

Paes foi denunciado pelo Grupo de Atuação Especializada no Combate à Corrupção (Gaecc) com outras quatro pessoas.

(Foto: Divulgação)

A Justiça, representada pelo TRE-RJ, aceitou a denúncia e expediu mandados de busca e apreensão, que foram cumpridos na casa do candidato à Prefeitura do Rio. A aceitação da denúncia significa que Paes se tornou réu.

Paes tinha contas pessoais pagas pela prefeitura do Rio de Janeiro.

Agentes do MP fizeram na manhã desta terça busca e apreensão na casa de Paes, no Rio com autorização do juiz Flávio Itabaiana Nicolau, da 27ª Vara Criminal do Rio de Janeiro.

Anúncio