Chico do Belo é eleito prefeito de Anamã; Frederico Júnior vence em Novo Airão

O novos prefeitos, que irão administrar as cidades até 2020, foram eleitos em eleições suplementares realizadas, neste domingo (28), juntamente com as eleições de segundo turno para presidente e governador

Manaus – Os municípios de Anamã e Novo Airão escolheram, neste domingo (28), novos prefeitos que irão administrar as cidades até 2020, em eleições suplementares realizadas juntamente com as eleições de segundo turno para presidente e governador. Em Anamã, Chico do Belo (PMN) foi eleito com 56,16% dos votos válidos e, em Novo Airão, Frederico Júnior foi eleito com 57,36% dos votos válidos.

Em Novo Airão, os eleitores escolherem substitutos para prefeito Wilton Santos (PSDB) e seu vice Antônio Tiburtino (DEM), afastados pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE), que determinou, ainda, nova eleição no município. O Ministério Público Eleitoral pediu a cassação da diplomação de Wilton Santos e, no final do ano passado, a chapa foi cassada pelo TRE que ainda anulou a eleição de 2016.

Wilton Santos afastado com base na Lei da Ficha Limpa por estar com os direitos políticos cassados até 2019, depois de ter quatro prestações de contas reprovadas pelo Tribunal de Contas da União (TCU) e pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE/AM) e ainda por estar condenado a devolver mais de R$ 3 milhões por desvios de recursos federais.

Já em Anamã, a votação foi para substituir Raimundo Pinheiro da Silva (MDB), mais conhecido por Raimundo Chicó, condenado por abuso de poder econômico e compra de voto e seu vice Antônio Araújo Coelho (SD). Os diplomas dos dois prefeitos foram cassados nos municípios após julgamento do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Eles foram enquadrados na Lei da Ficha Limpa.

Anúncio