Eleições 2020: NOVO descarta alianças no 2º turno

A posição foi definida pela chapa majoritária e pelos seis candidatos a vereador

Manaus – Em coletiva de imprensa, realizada na manhã desta terça-feira (17), num hotel da zona Centro-Sul, o presidente do diretório municipal do NOVO, Hélio Reis, acompanhado dos candidatos que disputaram as eleições 2020, declarou que o partido não formará alianças no 2⁰ turno.

(Foto: Divulgação)

A posição foi definida pela chapa majoritária e pelos seis candidatos a vereador. Na avaliação pós campanha, o presidente do diretório municipal apontou o aumento do número de eleitores que votaram no NOVO, como um fato a ser comemorado. Nesta eleição, crescemos mais de 50% em Manaus. Nossos candidatos juntos (majoritários e proporcionais) tiveram mais de 35 mil votos. Isso demonstra a força dos apoiadores que querem uma política nova”, afirmou Hélio Reis.

O candidato Romero Reis, que estreou na política disputando o cargo de prefeito, foi categórico ao afirmar que não apoiará nem David Almeida nem Amazonino Mendes. Mas pediu que o eleito não abandone setores básicos e que mantenha seus compromissos de campanha.

“As pessoas precisam de gestores que tenham compromisso com a sociedade e não com eles mesmos. Que o interesse coletivo se sobreponha aos interesses pessoais e dos partidos. Que o eleito faça o bem sem ver a quem. Que o próximo prefeito consiga aumentar o número de empregos; que cuide da infraestrutura; que aumente a rede de esgoto que há anos não passa de 12%; que cuide da saúde e da educação. O que constrói uma sociedade livre, são homens livres e de bons costumes”, expressou o candidato. Romero salientou ainda que dará continuidade a sua atividade sem planejar o futuro político neste momento.

Anúncio