Ministra Damares Alves faz entrega simbólica de cestas básicas

Serão beneficiadas 30 mil famílias de 32 municípios do Amazonas

Manaus – A ministra Damares Alves, titular do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), encerrou sua visita a cidade de Manaus com uma entrega simbólica de cestas básicas. A solenidade foi realizada na Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), que fica no Distrito Industrial, zona leste de Manaus.

Titular do MMFDH, Damares Alves chegou a cidade na manhã de terça-feira (16) (Foto: Marcos Lima/Divulgação)

Damares Alves aproveitou a oportunidade para anunciar a distribuição de 60 mil cestas básicas, que vão beneficiar 30 mil famílias em 32 municípios do Amazonas. “Tivemos uma grande dificuldade na logística para a compra dos alimentos. Compramos com recursos próprios, tivemos que repassar para a Funai [Fundação Nacional do Índio] e depois para a Conab. Tivemos dificuldades para comprar feijão, o que atrasou ainda mais a entrega. Os mesmos que cobram toda a burocracia, são os mesmos que criticam pela demora”, disse a ministra.

A ministra aproveitou para falar sobre a população indígena no Amazonas: “Chamam nosso governo de genocida, que não gosta de índios, mas nós fazenos de tudo para ajudar os povos indígenas, eles estão sempre em nossa pauta. Eu tenho muuto carinho e gosto de mostrar para o mundo que os índios precisam de comida e não de politicagem. Temos que mostrar a todos que os índios são tratados com dignidade”.

A ministra aproveitou a solenidade para falar sobre o trabalho do governo federal com a população indígena (Foto: Marcos Lima/Divulgação)

A titular do MMFDH chegou a cidade na manhã de terça-feira (16). No primeiro dia de visitas, a comitiva passou pelo Centro Cultural dos Povos da Amazônia e, depois, almoçou com conselheiros tutelares da região. Em seguida, a ministra e a Secretária Nacional Adjunta da Proteção Global, Maíra Miranda, se reuniram com representantes da Secretaria de Administração Penitenciária (Seap), do Núcleo Prisional da Defensoria Pública e da Vara de Execuções Penais (VEP), para debater questões relacionadas ao sistema prisional.

À tarde, o encontro foi na Secretaria de Justiça e Cidadania com parlamentares e autoridades da Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania, da Secretaria de Políticas para Mulheres e da Secretaria da Criança e do Adolescente. “Eu me surpreendi com o número de casos de violência contra mulheres e crianças. O número é bem alto”, comentou a ministra.

No fim da tarde de terça, Damares entregou máscaras no abrigo emergencial, que acolhe pessoas em situação de vulnerabilidade social, construído na Arena Amadeu Teixeira. No local, também foram distribuídos materiais para o lar de idosos Fundação Dr. Tomas.

Anúncio