Procurador João Barroso é reconduzido à chefia do MPC até 2022

Em 2018, o procurador de Contas foi escolhido para estar pela primeira vez à frente do Ministério Público de Contas

Manaus – Atual procurador-geral do Ministério Público de Contas (MPC) junto ao Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM), o procurador de Contas João Barroso foi reconduzido pelo governador Wilson Lima para a chefia do órgão para o biênio 2020/2022.

Formado em Direito pela Universidade Federal do Amazonas, João Barroso é procurador do MPC desde 1º de novembro de 2006 (Foto: Divulgação)

A escolha foi feita por meio de decreto assinado pelo governador e publicado no Diário Oficial do Estado, da última sexta-feira (5), e publicado em edição extra no final de semana.

João Barroso é formado em Direito pela Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e é procurador do MPC desde 1º de novembro de 2006. Em 2018, ele foi escolhido para estar pela primeira vez à frente do MPC.

Escolha

A lista com o nome dos dez procuradores do TCE foi encaminhada ao governador Wilson Lima pelo presidente do TCE, conselheiro Mario de Mello. Entre os nomes, o governador escolheu o de João Barroso. A data da posse ainda será definida.

Anúncio