Tribunais já receberam mais de 80% das urnas que serão usadas em 2024

Após serem aprovadas nos testes, os equipamentos recebem as tampas externas, são embaladas e identificadas

Brasília- A nove meses das eleições municipais de 2024, 177.815 urnas que serão usadas no pleito de outubro já foram entregues aos tribunais regionais eleitorais (TREs) — cerca de 80,83% do total. A expectativa, segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), é de que a produção das novas urnas seja concluída até fevereiro. Após serem aprovadas nos testes, as urnas recebem as tampas externas, são embaladas e identificadas conforme o lote de produção. Depois disso, ainda passam por uma auditoria realizada por servidores do TSE no local de fabricação.

(Foto: Gabriela Coelho/ R7/ Arquivo)

As novas urnas vão substituir os equipamentos de 2009, 2010 e 2011, que já chegaram ao término do ciclo de vida útil. Eles são projetados para ser usados durante 10 anos ou seis eleições consecutivas.

Em dezembro passado, o TSE realizou o teste público de segurança da urna e investigadores fizeram 35 estratégias de invasão e a apresentação e apontaram pontos de possíveis melhorias no sistema.

O objetivo foi testar e encontrar eventuais vulnerabilidades no sistema de votação brasileiro para “fortalecer a confiabilidade, a transparência e a segurança” do processo eleitoral, segundo a Corte. Em maio, o TSE chamará os colaboradores para mostrar as melhorias.

Conforme o TSE, “o teste é parte integrante do ciclo de desenvolvimento dos sistemas eleitorais de votação, apuração, transmissão, recebimento de arquivos e apoio aos processos de auditoria da urna eletrônica”.

Anúncio