Vereadores cobram esclarecimentos e convocam secretário da Semcom após escândalo

Israel Conte, está sendo convocado para esclarecer sobre vídeo publicado pelo site Metrópoles, nesta quinta-feira (14)

Manaus – Vereadores pedem esclarecimentos e convocam titular da Secretaria de Comunicação Municipal de Manaus (Semcom), Israel Conte, que se apresente na Câmara Municipal de Manaus (CMM), para esclarecimentos após vídeo publicado por veículo de comunicação de abrangência nacional, o site Metrópoles, nesta quinta-feira (14). Nas imagens, um homem se identifica como motorista de um portal de notícias da capital e mostra recebimento de sacola com dinheiro na Prefeitura de Manaus.

(Foto: Reprodução e Diego Caja – Dircom/CMM)

O vereador Marcelo Serafim (PSB 40), que faz oposição ao executivo municipal, pede que o secretário explique a gravação escandalosa.

“É urgente que a base do prefeito David Almeida apresente o secretário Israel Conte na próxima segunda feira na @camaramunicipalmanaus para que ele explique a escandalosa gravação dentro da secretaria de comunicação onde um motorista recebe dinheiro para um portal da cidade. São esses portais que atacam vereadores como eu que fazem oposição ao prefeito David Almeida.
Já o vereador Rodrigo Guedes (Podemos) afirmou em sua rede social que além de solicitar a presença do secretário para esclarecimentos, também entrará com uma denúncia no Ministério Público do Amazonas (MPAM).
“Já estou apresentando para ser votado na segunda-feira (18) um pedido de convocação do Secretário de Comunicação da Prefeitura de Manaus, Israel Conte, para depor na Câmara Municipal de Manaus após as denúncias com vídeo postadas hoje, 14/03, pela manhã pelo Portal Metrópoles de pagamento em dinheiro para um portal de Manaus. Vou formalizar queixa crime também no Ministério Público do Amazonas”, diz Guedes.
Capitão Carpê (Republicamos) também irá cobrar explicações de Israel Conte e, foi mais além. O parlamentar afirma que o prefeito de Manaus, paga portais para atacar quem ousar discordar da gestão dele.
blank
Em nota, o presidente da Câmara Municipal de Manaus (CMM), vereador Caio André (Podemos), classifica como extremamente preocupantes as cenas exibidas nessa quinta-feira (14), pelo portal Metrópoles.

“No serviço público não é praxe, nem admissível que valores em espécie sejam entregues em qualquer local, muito menos dentro de um órgão público. Vereadores da 18ª Legislatura me informaram que irão proceder com ações legais e regimentais para buscar esclarecimentos do município sobre o assunto. Esse escândalo obriga que os envolvidos prestem esclarecimentos para Manaus e o Brasil”.

A presidência da CMM informa que o parlamento municipal “não irá se esquivar de suas funções e estará atento e firme em sua função democrática”.

***Matéria atualizada às 11h30 para adicionar a nota da CMM

Anúncio