Wilker espera que nova Mesa Diretora da ALE encontre responsáveis pela crise da saúde no AM

Parlamentar afirma que a Casa Legislativa precisa dar uma resposta firme para a sociedade amazonense diante do caos na saúde pública

Manaus – Com a posse da nova Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do Estado (ALE) para o biênio 2021/2022, oficializada na manhã desta segunda-feira (1º), o deputado estadual Wilker Barreto (Podemos) afirmou que a Casa Legislativa precisa dar uma resposta imediata para a sociedade amazonense diante da grave crise instalada no sistema de saúde do Estado.

Para o parlamentar, a nova composição do Parlamento estadual, que será liderada pelo presidente Roberto Cidade (PV) nos próximos dois anos, terá que ser mais incisiva para julgar as ações do Governo, em especial à falta de ações durante a pandemia do novo Coronavírus (Covid-19).

“Eu espero que a Assembleia Legislativa, na volta dos trabalhos e no início desse segundo biênio, possa dar uma resposta política para se apurar os crimes de responsabilidade desse governo e, obviamente, devolver ao povo a legitimidade de escolher seus representantes”, salientou Barreto, citando sobre os diversos pedidos de impeachment do governador Wilson Lima já ingressados na ALE.

O deputado estadual Wilker Barreto (Foto: Divulgação)

O deputado reforçou, ainda, que a ausência de soluções do Executivo para as problemáticas como a falta de leitos de UTI nos hospitais e a crise do oxigênio acarretaram em muitas mortes no Estado.

“A gente sabe das consequências de um sistema de saúde colapsado, mas eu não tenho dúvidas que muitas mortes poderiam ter sido evitadas só com um pouco de gestão, boa vontade e espírito público. Fico triste porque acredito que lá atrás, nos outros processos de impeachment, poderíamos ter livrado o Amazonas desse momento de escuridão”, finalizou Wilker.

Anúncio