Colocação de próteses de silicones resgatam autoestima de mulheres

Uma das razões pelas quais as próteses são tão impactantes é que elas podem ajudar as pessoas a alcançar o tipo de corpo que desejam

Manaus- A autoestima é um aspecto fundamental da saúde mental e emocional de uma pessoa. Sentir-se bem consigo mesmo pode influenciar a maneira como alguém interage com o mundo e enfrenta os desafios da vida. Uma das maneiras pelas quais muitas mulheres buscam melhorar sua autoestima é através da cirurgia de prótese de silicone.

blank

(Foto: Divulgação)

Uma das razões pelas quais as próteses são tão impactantes é que elas podem ajudar as pessoas a alcançar o tipo de corpo que desejam, melhorando a proporção e a simetria. Isso pode ter um efeito positivo na maneira como uma pessoa se vê no espelho e como se sente em relação ao próprio corpo. Muitos pacientes relatam um aumento na autoconfiança e na satisfação com sua aparência após a cirurgia.

Segundo a Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética (Isaps), a cirurgia de silicone é a segunda mais realizada em todo o Brasil, estudos apontam que a colocação de implantes de silicone segue sendo o procedimento mais procurado, especialmente pelas mulheres que não se sentem satisfeitas com seus seios, o que afeta principalmente sua autoestima. Entretanto, a diferença é que, ao contrário dos anos anteriores, as pacientes estão em busca de intervenções que proporcionem um aspecto mais natural da mama e de breve recuperação.

De acordo com o Dr. Guilherme Guisard, cirurgião habilitado em técnicas modernas, focadas na otimização de resultados e recuperação das pacientes, oscilações de peso, gravidez e envelhecimento são as principais causas que levam o tecido dos seios a ficarem flácidos. Além de fatores genéticos como seios muito pequenos e assimetria que conferem aparência desarmoniosa.

“A preocupação com a aparência é evidente entre as mulheres brasileiras, que fazem parte de uma das populações mais vaidosas do mundo. Os seios estão culturalmente relacionados à feminilidade e quando esta região não está de acordo com o que a paciente considera satisfatório acaba atingindo sua autoestima”, explica.

O procedimento tem se tornado mais acessível nos últimos anos, o que fez com a realização da cirurgia aumentasse excepcionalmente, cerca de 20% ao ano. Além disso, as opções de cirurgias mamárias têm sido múltiplas, inúmeras são as técnicas disponíveis para o tratamento de tais alterações, segundo o Dr. Guisard o que mais as pacientes desejam é a elevação do seios, troca de volume mamário por próteses, simetrização e em alguns casos a combinação de várias técnicas.

“Há várias técnicas para o implante de silicone, dentre elas podemos incluir como técnicas avançadas o Sutiã Interno, Alça muscular, Grip Plane, HCBra e Técnica Híbrida, onde utilizamos gordura para preenchimento das mamas”, o cirurgião enfatiza, que a  busca constante das pacientes pela recuperação rápida fez com que ele e sua equipe trouxesse para a região de Taubaté a técnica denominada Mastogrip.

“As técnicas que utilizamos são avançadas para a melhor recuperação dos nossos pacientes, a Mastorgrip por exemplo é uma técnica onde o retorno das atividades habituais é iniciada no mesmo dia após a cirurgia”, diz.

O Dr. Guisard afirma que após a realização do implante de silicone e a recuperação rápida, sem complicação, é possível ver que a autoestima de suas pacientes volta a crescer. “Elas passam a se sentirem mais seguras em relação ao seu próprio corpo, e através do nosso trabalho, podemos perceber a importância que possui um par de próteses”, completa.

Anúncio