Manaus ultrapassa meta de imunização e governo federal libera vacina para todos

Meta de 90% de vacinação contra a influenza, do grupo prioritário, foi ultrapassada em 7,91%, segundo a Prefeitura de Manaus. Ministério da Saúde anunciou que a vacinação está liberada para todos

Da Redação /  [email protected]

Segundo a prefeitura, Manaus dispõe de 182 salas de vacinação (Foto: Marcelo Camargo/ABr)

Manaus – Manaus ultrapassou a meta estipulada pelo Ministério da Saúde de vacinar 90% do grupo prioritário, alcançando 97,91% das pessoas incluídas no público-alvo da Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza. A informação é da Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa).

A Semsa orienta que os pais que ainda não levaram as crianças de 6 meses a menores de 5 anos às unidades de saúde e, ainda, as gestantes não vacinadas, procurem uma das 182 salas de vacina, até o dia 9 de junho, quando a campanha será encerrada na capital.

Devem se vacinar os idosos com 60 anos ou mais de idade, trabalhadores de saúde, os povos indígenas (aldeados e assistidos pela Sesai), as crianças na faixa etária de 6 meses a menores de 5 anos de idade (4 anos, 11 meses e 29 dias), as gestantes, as puérperas (até 45 dias após o parto), os grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas, a população privada de liberdade e os funcionários do sistema prisional e professores das escolas públicas e privadas.

Vale ressaltar que portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais deverão apresentar o laudo médico, receita, carteirinhas dos programas de saúde, prescrição médica ou outro documento que comprove a sua condição clínica para receber o imunobiológico, assim como os professores também deverão apresentar documentos (crachá, contracheque ou outro documento) que comprove a profissão.
A Prefeitura alerta a quem trabalha fora e não tem tempo de tomar a vacina e nem de levar os filhos ou familiares, a procurar uma das dez Unidades Básicas de Saúde (UBSs) de horário ampliado, que funcionam de segunda a sexta, das 7h às 21h, e, aos sábados, das 7h às 12h.

Liberado

Além do público-alvo, o governo federal anunciou que a vacina está liberada para todos os cidadãos. A determinação é válida enquanto durarem os estoques. De acordo com o Ministério da Saúde, até esta sexta-feira, 41,3 milhões de pessoas do público-alvo foram vacinadas contra a gripe em todo País, o equivalente a 76,7% do grupo prioritário.

Anúncio