Trabalho em home office exige cuidados com a saúde

Rotina de trabalho em casa pode oferecer problemas para a coluna, desvios posturais, dores nos ombros, cotovelos e punhos, além de patologias como tendinite e bursite

Manaus – Com a chegada da pandemia da Covid-19, trabalhar em regime home office se tornou a realidade de muitos colaboradores, mas a nova medida exige uma adaptação no local de trabalho, em casa. A fisioterapeuta Priscila Costa alerta sobre os riscos que a modalidade pode trazer para a saúde do corpo.

Adiel Wesley é bacharel em ciência da computação, e trabalha em um Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento em Tecnologia e Biotecnologia. Há dois meses trabalhando em casa, precisou adaptar seu local de trabalho, pois não tinha escritório.

“Adaptei um rack que a gente não utilizava em casa para colocar o computador e usei também as cadeiras que tinha na mesa de jantar. Deu um pouco de trabalho, mas montei um escritório dentro do meu quarto”, explica Adiel.

A fisioterapeuta Priscila Costa (Foto: Divulgação)

A especialista observa que o home office pode oferecer riscos a saúde do corpo. Caso os devidos cuidados não sejam tomados, a rotina de trabalho em casa pode oferecer problemas para a coluna, desvios posturais, dores nos ombros, cotovelos e punho, além de patologias como tendinite e bursite.

‘Trabalhar home office significa passar muito tempo em frente à tela do computador. Devemos ter certos cuidados. Um deles é com a altura da mesa e da cadeira. O colaborador deve ficar com os braços e antebraços apoiados sobre a mesa ou no teclado. Também é muito importante os joelhos estarem apoiados no chão e dobrados no ângulo de 90 graus”, alerta a fisioterapeuta, que também é especialista em reeducação postural global.

blank

Um rack que o bacharel em ciência da computação Adiel Wesley não utilizava mais foi adaptado para abrigar o computador em seu home office (Foto: Divulgação)

Por conta da carga horária de trabalho cumprida em casa, a especialista ressalta que, a cada hora, é recomendada uma pausa para levantar da cadeira e fazer uma caminhada breve. Se possível, também realizar alongamentos nos punhos, ombros e pescoço. A rotina tem sido seguida pelo bacharel em ciência da computação.

“Eu costumo fazer algumas pausas durante o trabalho para um intervalo, fazer um lanche, almoço, que é uma hora no meio da jornada. E também levanto às vezes para descansar o corpo e a mente, um intervalo de alguns minutos”, explica Adiel Wesley.

Anúncio