Inteligência artificial encontra maneira de produzir oxigênio em Marte

Cientistas afirmaram que a tarefa que foi feita em cinco horas pelo robô só seria terminada por um humano em cerca de 2000 anos

EUA – Um robô chinês controlado por inteligência artificial parece ter encontrado uma forma de extrair oxigênio da água de Marte, o que pode ajudar humanos em uma futura missão no planeta vermelho.

(Foto: Reprodução/Ccby/Esa & Mps Para Osiris Team)

A descoberta foi revelada na revista científica Nature Synthesis, em um artigo onde cientistas descrevem como equiparam o maquinário com braços mecânicos, para analisar cinco amostras rochosas que caíram na Terra.

No processo, a máquina identificou materiais que poderiam catalisar a quebra das moléculas de água em oxigênio e hidrogênio. Para isso, o robô usou uma combinação de ácidos e outros componentes químicos, dissolvendo e separando o material do meteorito.

Os pesquisadores explicaram que um humano poderia levar cerca de 2.000 anos para descobrir esse processo, mas a IA levou apenas cinco horas.

“Achamos que nossa máquina pode fazer uso de compostos em minérios marcianos sem orientação humana”, disse o principal autor do estudo, Dr. Jun Jiang, da Universidade de Ciência e Tecnologia da China em Hefei.

Os cálculos da equipe de Jiang indicam que poderiam ser produzidos 60 gramas de oxigênio por hora, utilizando um metro quadrado de material marciano.

Ele completou dizendo que esse é um grande avanço para as viagens espaciais e um passo a mais em direção ao sonho de colonizar Marte.

Anúncio