Internet Explorer chega ao fim na maioria de PCs com Windows 10

O IE não será removido do computador, porque ainda é necessário para aplicações legadas

EUA – A empresa Microsoft anunciou, nesta quarta-feira (19), que o Internet Explorer 11 chega ao fim na maioria dos PCs com Windows 10. O navegador vai redirecionar os usuários para o Microsoft Edge. O IE não será removido do computador, porque ainda é necessário para aplicações legadas.

Modo Internet Explorer no Edge (Imagem: Divulgação / Microsoft)

O suporte ao Internet Explorer 11 será encerrado em 15 de junho de 2022. A partir dessa data, o browser não vai mais abrir no Windows 10: em vez disso, o usuário será levado para o Microsoft Edge baseado no Chromium.

De acordo com a Microsoft,  como o Edge possui o modo IE integrado, não é necessário acessar a interface antiga do navegador: tudo pode ser feito através dessa camada de compatibilidade, que ainda tem suporte a plug-ins ActiveX, Java e Silverlight. a recomendação é migrar para o Edge e ativar o modo IE; esse recurso terá suporte pelo menos até 2029. A Microsoft promete avisar com um ano de antecedência quando isso mudar.

Segundo a Microsoft, por causa do modo IE, o Internet Explorer não será totalmente removido dos PCs: esse recurso depende da engine MSHTML (Trident), que continuará a receber suporte nos próximos anos.

Esta é a lista completa dos sistemas nos quais o Internet Explorer continuará vivo:

  • Windows 7 Extended Security Updates (ESU)
  • Windows 8.1
  • Windows 10 LTSC (todas as versões)
  • Windows 10 Server no canal semianual (todas as versões)
  • Windows 10 Server LTSC (todas as versões)
  • Windows 10 IoT LTSC (todas as versões)

E estes são os sistemas que perderão o IE em 2022:

  • Windows 10 para clientes, incluindo Home, Pro, Enterprise e Education (versões 20H2 e mais recentes)
  • Windows 10 IoT (versões 20H2 e mais recentes)

Anúncio