Twitter testa ferramenta de compras em perfis de marcas

O teste vai começar nos Estados Unidos e prevê a possibilidade de marcas colocarem produtos a venda direto no perfil da rede social

São Paulo – O Twitter agora vai permitir que empresas exibam produtos à venda no topo de sua página de perfil. Foi o que disse a empresa nesta quarta-feira (27), que espera obter uma fatia do lucrativo mundo das compras online.

A empresa está seguindo os passos do Facebook, que abriu um recurso “Lojas” em 2020 para permitir que consumidores comprem produtos diretamente pelo Facebook e Instagram. Segundo o Twitter, o recurso será um teste, por enquanto, e estará disponível para marcas nos Estados Unidos.

Twitter testa ferramenta de compras em perfis de marcas (Foto: Divulgação)

A partir da habilitação do serviço, os usuários podem percorrer um carrossel de produtos na parte superior do perfil da marca. O cliente pode tocar em um produto e pagar por meio do site do varejista — a transação completa ainda não vai ser realizada pela rede social.

O teste é uma tentativa renovada de oferecer compras no Twitter. A empresa experimentou antes um botão “Compre agora” e páginas de produtos, em 2015. A rede social também vem em uma sequencia de mudanças e atualizações para aumentar sua receita e se encaixar nas tendências digitais de suas concorrentes no mundo da tecnologia.

Além de plataformas de serviços, como a de newsletter e de conversas de áudio, a empresa mira em um plano de assinatura — o Twitter Blu — com recursos exclusivos para usuários pagos.

Anúncio